Avaliação ou Teste?

30 de abril de 2020 by in category Hipnose Clínica, Psicologia with 0 and 0

rs1.jpg.pagespeed.ce.GQElu0lJmW

A mídia ultimamente tem falado muito do papel dos psicólogos no dia a dia das empresas, escolas e hospitais. Mas tem prestado um des-serviço à sociedade denegrindo e reduzindo o papel do profissional a simples “testadores”.

Antes de mais nada, é preciso diferenciar o que é uma Avaliação psicológica do que é um Teste psicológico. A primeira, a avaliação, é um conjunto de ferramentas e critérios usados para descrever, compreender e orientar o profissional no cuidado com o indivíduo que é seu paciente. A segunda, o teste, é cada um dos instrumentos usado pelo profissional na elaboração de laudos e pareceres, que vão orientar sua avaliação final sobre a pessoa avaliada.

Avaliação psicológica é um processo que implica a integração de informações de várias fontes, tais como testes de personalidade (normal e anormal), testes de aptidão ou inteligência, testes de interesses e atitudes, e informações obtidas a partir de entrevistas pessoais. Também são recolhidas informações sobre a história pessoal, profissional ou médica, a partir de registros ou de entrevistas com os pais, cônjuges, professores ou terapeutas anteriores ou médicos. Um teste psicológico é uma das fontes de dados utilizada no processo de avaliação; geralmente mais do que uma fonte é utilizada.

Teste psicológico é um campo caracterizado pelo uso de amostras de comportamento de forma a aceder a construtos psicológicos, tal como o funcionamento cognitivo e emocional, de um dado indivíduo. O termo técnico para a ciência por detrás da testagem psicológica é a psicometria. Por amostras de comportamento, pode-se significar observações de um indivíduo no desempenho de tarefas que foram normalmente prescritas de antemão, o que muitas vezes se traduz em pontuação num teste. As respostas são frequentemente compiladas em tabelas estatísticas que permitem, ao avaliador, comparar o comportamento do indivíduo a ser testado às respostas do grupo de referência.

Muitos testes psicológicos não estão disponíveis ao público, pelo contrário, apresentam restrições tanto dos publicadores dos testes como dos conselhos de licenciamento psicológico que impedem a divulgação dos próprios testes e da informação acerca da interpretação dos resultados.

Assim, é importante diferenciar uma profunda Avaliação de um simples teste de Personalidade. A internet infelizmente espalha uma série de falsos testes e ferramentas de origem duvidosa e sem NENHUM  respaldo. Em outras palavras, servem apenas e tão somente como diversão e entretenimento, NÃO POSSUEM NENHUM REFERENCIAL TEÓRICO CIENTÍFICO QUE APROVE OU CORROBORE SEUS RESULTADOS.

Então se você realiza qualquer um destes testes, tenha em mente que são meramente uma diversão da mídia moderna, antes eram os “testes de revistas”, que TAMBÉM não possuem nenhum respaldo.

Antes de mais nada, a única pessoa capacitada para avaliar a personalidade de uma pessoa é o PSICÓLOGO. Não é o pedagogo, o orientador pessoal e muito menos o editor de um site de entretenimento, página de mídia ou site de origem duvidosa cujo único objetivo é divertir-se às suas custas.

Assim, a primeira coisa a se perguntar quando for submeter-se a um destes supostos “testes” é: O que ele representa? Ele mede alguma coisa? Qual a importância dele na sua vida?

Respondendo às três perguntas, NÃO, ele não tem NENHUMA significação científica senão a de entreter, divertir e provocar a imaginação das pessoas.

Então, não os leve tão a sério. E antes de mais nada, se você não quer ser avaliado, NÃO se submeta a eles.

SOU HIPNOSE 2020- Hipnose livre para todos! ~ Eu sou! Você é! Todos Somos!Desenvolvido por tr3zetrintaeum