Clark Hull

20 de outubro de 2019 by in category Hipnose Clínica, Psicologia with 0 and 0

Clark Leonard Hull (Akron, 24 de maio de 1884 — New Haven, 10 de maio de 1952) foi um influente psicólogo norte-americano. Estudou nas Universidades de Michigan e Wisconsin.

Doutorou-se nesta última em 1918 onde foi professor até 1929. Inspirando-se em Pavlov e Watson desenvolveu as concepções behavioristas clássicas fazendo intervir variáveis intermédias entre o estímulo e a resposta. Considerava que no processo de aprendizagem a variável intermédia seria a motivação. A sua concepção poderia ser expressa pela fórmula: Potencial de Reação = (Força do hábito x Impulso x Motivação) – Inibição. A aprendizagem seria assim um processo resultante de uma cadeia de condicionamentos em que o reforço, motivação, (encarado como a redução das necessidades) desempenha um papel fundamental. Assim não poderia haver aprendizagem sem motivação.

Considerava que, para além dos métodos tradicionais utilizados pela psicologia – observação, observação sistemática e método experimental, se deveria recorrer a métodos formais, isto é, deveriam ser introduzidos modelos matemáticos. Chegou a descrever processos de aprendizagem através de equações matemáticas.

Ele é talvez mais conhecido pelo efeito “gradiente de meta” ou hipótese, em que os organismos gastam quantidades desproporcionais de esforço nos estágios finais de obtenção do objetivo dos impulsos. Devido à falta de popularidade do [behaviorismo] em contextos modernos, ele é pouco referenciado hoje ou colocado entre colchetes como obsoleto.[1] No entanto, uma pesquisa da ‘[Review of General Psychology]’ ‘, publicada em 2002, classificou Hull como o 21º psicólogo mais citado do século XX.

As suas concepções estão expostas na sua vasta obra da qual se pode destacar: Principles of BehaviorThe Essentials of Behavior e A Behavior System.

Add comment

SOU HIPNOSE 2020- Hipnose livre para todos! ~ Eu sou! Você é! Todos Somos!Desenvolvido por tr3zetrintaeum